Vereador Alexandre Tenório – Presidente

“Solicito a todos os presentes, um minuto de silencio pelo falecimento de Dona Helena Albuquerque”.

Vereadora Camyla Brasil

“Hoje, mais do que nunca, eu realmente não poderia iniciar as minhas palavras sem agradecer a Deus por mais esta oportunidade de fazer uso desta Tribuna. Hoje, de uma maneira muito especial, pois é o meu aniversário. Hoje é o dia que Deus escolheu para me mandar aqui pra terra. Eu costumo comemorar meu aniversário de forma bastante intensa. Faço um agradecimento a Deus pelo dom da minha vida e pela força que ele me dá todos os dias de lutar por meus ideais, meus objetivos e meus sonhos, podem ter a certeza, de uma Atalaia cada vez melhor. Atalaia está no meu coração e eu tenho compromisso com esta terra.

Dia 27 de fevereiro, há alguns anos atrás, também foi um dia muito especial para mim, pois foi quando eu tomei posse como suplente nesta Casa e passei um tempo aqui”.

Vereador Alexandre Tenório – Presidente

“Nobre vereadora Camyla Brasil, como antes já tinha parabenizado a senhora pessoalmente, mas, diante agora das redes sociais e da Rádio, quero em nome da Câmara de Vereadores desejar à Vossa Excelência, muita prosperidade e muita saúde, vida longa. Que Nosso Senhor Jesus Cristo lhe abençoe e realize todos os seus sonhos.

Aproveitando o ensejo, hoje comemoramos os aniversariantes do mês e gostaria de pedir Moções de Parabéns coletivas, uma para a vereadora Camyla Brasil, uma para a vereadora Neide Miranda, para a Elisa Virna, para o Gerso Ferreira, para o Thiago Melo funcionário desta Casa, para a Thatyana Pinheiro, para o Junior Vigário, para o Fabinho Gaia e também para a minha mãe, que também foi aniversariante do mês”.

Vereadora Camyla Brasil

“Muito obrigado ao senhor presidente. Algumas Moções dessas eu gostaria de subscrever.

Então, eu só posso realmente dizer que sou muito grata a Deus pela minha vida, pela minha saúde e pelo dom de realmente poder todos os dias acordar, levantar e correr em busca dos meus sonhos. Costumo dizer que aquilo que eu sonho, eu corro atrás, Deus me ajuda e a gente realiza. Então, eu inicio hoje de forma bastante emocionada e grata.

Gostaria também de fazer aqui uma Moção de Pesar em virtude do falecimento da Dona Helena. Acredito que será coletiva, pois todos os colegas gostariam de subscrever, principalmente em nome da sua filha Eliane, de suas netas a Rafaela, a Dan, a Luisa e ao neto Rudinho. Eram pessoas queridas que cercavam a Dona Helena. É um núcleo familiar que realmente gostamos muito e temos muito apreço e sentimos muito a perda da Dona Helena.

Como eu faço as transmissões dos meus pronunciamento, através desse houve uma denuncia de uma pessoal, com relação a uma bueira e um mal cheio lá na Rua do Campo. Eu fui lá na Rua do Campo, verifiquei a situação e realmente o mal cheiro toma conta da Rua. E, olhem que eu fui num dia estiado e sem ter tido chuvas nesses últimos dias. Lá estava tudo sequinho, mas o mal cheiro estava terrível. Fui informada pela comunidade que em virtude das últimas chuvas, ali transbordou e adentrou as casas das pessoas. É quase em frente a Creche Escola Emilio de Maia. Sem contar que as bueiras estão nas portas das pessoas e com um mal cheiro terrível, uma questão de saúde pública”.

Vereador Quinho do Portão

“Naquela chuva do sábado, quando houve a inauguração na Branca, foi no dia que transbordou a bueira. Muitas fezes. O secretário de infraestrutura fez um paliativo, mas não foi resolvido. E, se chover de novo vai transbordar. Quando disse a vereadora, é uma questão de saúde. O local fica próximo a uma Creche, onde muitas crianças ficam brincando na porta, antes de entrar na Creche”.

Vereadora Camyla Brasil

“Realmente, qualquer chuvinha e ali está transbordando. Mesmo quando está estiado a fedentina é grande. Fui informada que o secretário já esteve lá e fez um paliativo, mas estou aqui cobrando isso e a minha Indicação é no sentido de que o secretário de Obras se dirija à Rua do Estádio O Luizão e tome as devidas providências com relação a esses bueiros.

Ontem houve uma problemática com relação aos ônibus que levam os estudantes à Maceió. Fui procurada por alguns alunos, pais de alunos, todos bastantes preocupados. Me dirigi ao diretor de transporte, o senhor Geraldo. O Geraldo me informou que realmente houve um pedido por parte da gestão, no sentido de reduzir os gastos e ontem tinha sido inciiado de forma ainda em fase de teste, a redução do número de ônibus à Maceió. Pela manhã, de um número de dois ônibus, passou só para um ônibus. Mas, que ficou impossível de realizar o transporte dos alunos com um ônibus só. Então, ontem mesmo, já foi de imediato providenciado um ônibus para que as pessoas não perdessem a aula ontem e hoje, já voltou a ser dois ônibus pela manhã. No turno da noite, houveram algumas modificações, com reduções nos números de ônibus, mas o que foi passado para mim é que está sendo suficiente. Gostaria de passar para esses alunos e pais de alunos, que podem contar com esta vereadora caso não estejam indo à Maceió de forma digna. Quando falo digna, é que pelo menos tenha um assento para cada passageiro, pois isto é questão de segurança. As pessoas precisam ir à Maceió para estudar, Atalaia não oferece ensino superior. Esse transporte já é oferecido pelo Poder Público há muitos anos e quando se pensar em fazer qualquer redução, que façam de uma forma estudada, não façam testes para colocar as pessoas para irem com menos ônibus, quando na verdade não tem estrutura para isso.

Gostaria de agradecer publicamente ao diretor de transporte, o Geraldo, que me atendeu e que hoje mesmo já ligou para mim, avisando que voltaram os dois ônibus pela manhã.

Eu cobrei na semana passada e vou voltar a cobrar aqui. É a questão do Atalaia Prev. Quando, na semana passada eu citei que o Atalaia Prev encaminhou ao Executivo um projeto de estruturação do Atalaia Prev, isso ele nos procurou em setembro de 2017 e até agora não chegou nesta Casa. O presidente do Atalaia Prev me informou que na verdade esse projeto irá fazer aniversário já. Ele foi para a prefeitura no mês de março de 2017. Então, o que é que está se esperando? O Atalaia Prev falecer, para poder tomar providências? E, quem contribuiu e está contribuindo? Esse problema do Atalaia Prev não é só dos inativos, é dos ativos também, pois precisam entender que estão contribuindo para uma massa falida. Estão colocando dinheiro em uma poupança, de um banco que está levando o dinheiro embora”.

Vereador Quinho do Portão

“Eu queria propor aos senhores vereadores que só votassem algum projeto, quando chegasse esse do Atalaia Prev. Pois, só assim ele vai chegar nesta Casa. Outra coisa, estamos no final de fevereiro e não foi pago ainda o mês de janeiro a alguns aposentados. Isso é um absurdo e temos que tomar as devidas providências. Só falando não vai resolver”.

 

Vereador Alexandre Tenório – Presidente

“Eu, como presidente da Casa, se o Plenário achar por conveniência e que deve ser feito, não tenho objeção nenhuma a isso. Só votar algum projeto nesta Casa, depois que chegar o projeto do Atalaia Prev. Passo essa decisão para o Plenário”.

Vereador Anilson Junior

“Eu concordo com os colegas, mas temos que entender que existem alguns projetos que podem vim em pauta e podem ser necessário para garantir a municipalidade e esses projetos não podem esperar. Agora, os projetos que podem esperar, devem esperar até resolvermos esse problema do Atalaia Prev, que já vem se arrastando desde a gestão passada”.

Vereador Alexandre Tenório – Presidente

“Acabo se ser informado pelo Procurador Geral, o Dr. Márcio Junior, que ele se comprometeu em trazer o projeto ainda nesta semana. Agradecemos”.

Vereadora Camyla Brasil

“Não estou procurando culpados, estou dizendo que é necessário que as providências sejam tomadas, até porque o Atalaia Prev é um problema de todos, dos inativos e dos ativos. Os ativos, concursados do município, estão contribuindo para o Atalaia Prev. Se o Atalaia Prev quebrar, quebra para todo mundo. Não é justo que pessoas que contribuíram a vida inteira, fiquem mendigando para receber seus proventos. Hoje, dia 27 de fevereiro e ainda faltam 64 servidores inativos receberem seus proventos”.

Vereadora Neide Miranda

“Vossa Excelência fala com toda a propriedade, porque o Atalaia Prev é um problema de nós atalaienses, das famílias que estão passando necessidade, porque não recebem os seus proventos. E, vou mais além, pois quero saber se as Secretarias estão repassando os descontos, para o Atalaia Prev. É necessário que se veja se realmente as Secretarias estão repassando o desconto”.

Vereadora Camyla Brasil

“É justamente disso que venho tratando. Se a folha de janeiro já foi encerrada, o que justifica que a folha de janeiro do Atalaia Prev não foi paga. A folha dos efetivos não é uma folha liquida, é uma folha bruta e se você desconta e não repassa, é improbidade administrativa. Não pode deixar de repassar pro Atalaia Prev, não pode deixar de repassar para os órgão que emprestam dinheiro como a CAIXA Econômica e o Banco do Brasil. O que to falando aqui é que não é justo, pois depois de amanhã é primeiro de março e ainda faltam 64 inativos receberem seus proventos. Isso, sem previsão nenhuma para o pagamento dos décimos terceiros salários do mês de janeiro. Isso é triste. As pessoas dizem que só não recebeu quem ganha mais, mas se isso foi uma conquista durante a jornada de trabalho, não é justo que fique por último, porque conquistou mais. Ainda bem que o Dr. Márcio se comprometeu ainda esta semana, pois tenho uma grande preocupação com o Atalaia Prev.

Também estou cobrando aqui mais uma vez o projeto dos Agentes de Saúde e dos Agentes de Endemias, com relação a gratificação e ajuste das verbas para os EPIs. Isso é um incentivo e não uma gratificação. Hoje, eles estiveram aqui na Casa e disseram que se reuniram com o Executivo e chegaram num consenso. Mas, estamos aqui aguardando atenciosamente, porque isso é verba do ano passado e que precisa ser regulamentada. Gostaria de pedir encarecidamente aos procuradores que cobrem também, para que chegue isso aqui nesta Casa”.

Vereadora Janaína do Cal

“Hoje, peço permissão ao presidente desta Casa, para que em nome de todos, eu possa cumprimentar a minha amiga Camyla Brasil pela passagem da sua data natalícia. Quero lhe desejar vereadora, muita saúde e muita paz. Que você continue sempre com essa sua garra, com essa determinação e com esse compromisso em fazer o bem pela sociedade atalaiense. Estamos convivendo mais neste um ano e dois meses e tenho tido ao seu lado grandes experiências. Que nós possamos continuar nesta Casa trabalhando e lutando pelos direitos dos servidores e dos cidadãos atalaienses.

Nas minhas Indicações de hoje, eu trouxe uma reivindicação feita pelo senhor José Clemente, que mora na Grota da Gia e que veio me reivindicar, para que o senhor prefeito, juntamente com a Secretaria de Infraestrutura, coloque a iluminação no cemitério do Povoado Boca da Mata. É inadmissível, num mundo em que vivemos, termos ainda um cemitério às escuras. Que deem pelo menos o mínimo de respeito aos familiares que lá estão e resolvam isso, pois senão me engano, a colocação de dois postes com iluminação já resolve a situação”.

Vereadora Camyla Brasil

“Já que Vossa Excelência tocou no assunto dos cemitérios públicos, gostaria de Indicar sobre essa situação dos cemitérios. O enterro do meu tipo foi aqui e praticamente fomos andando em cima das covas. Para levar o caixão, seguravam de um lado e de outro, a tempo de derrubar caixão. Naquele momento de dor, você não poder enterrar seu ente querido de forma digna. E, olhe que nós temos mausoléu, pois quem não tem, acho que não há mais espaço. Que o prefeito tome as providências, desapropie alguma área e faça a manutenção dos cemitérios que já existem”.

Vereadora Janaína do Cal

“A minha segunda Indicação é para parabenizar o vereador Ricardo que está desenvolvendo lá, não sei se semanalmente ou mensalmente, o torneio de futebol. Sabemos da importância do esporte, principalmente o futebol que é a paixão de todos os brasileiros, incluindo os moradores do Distrito Branca. Fiquei sabendo que essa Indicação já foi feita pelo vereador Ricardo e hoje quero endossar as palavras dele, pedindo o apoio dos demais vereadores. Os moradores que moram perto do campo, tem reclamado, pois de um lado tem que haver a prática de esporte, mas estão prejudicando a telha do pessoal. Estou pedindo ao prefeito, juntamente com o secretário de esportes para que sejam colocadas telas e que seja construído lá pelo menos um banheiro, um vestiário, pois os rapazes lá tem que trocar de roupa no meio do povo. É o mínimo que se pode fazer, para promover o esporte e o lazer em nosso município, principalmente na Branca, onde o pessoal lá gosta e pratica o futebol. Que olhem isso com carinho pelo nosso Distrito.

Então também recebi várias mensagens pelo whatsapp, onde a tarde uma aluna também me procurou sobre essa questão do ônibus.  É inadmissível que no horário matutino, os alunos vão para Maceió em um ônibus só. Por esses dias, 27 alunos ficaram sem ir estudar, por conta de que o transporte não coube. Que seja feita uma fiscalização. Começaram com as historias das carteirinhas, mas isso não vem funcionando. A reclamação que chegou a mim é que vão muitas pessoas pegando carona e os estudantes que realmente estão aptos a estar utilizando do transporte, não estão conseguindo. Peço ao prefeito, ao secretário de educação e ao chefe do transporte, que reveja isso aí, porque realmente é um problema que tem que ser sanado o mais rápido possível.

Continuando a falar sobre a Educação, hoje estamos no dia 27 de fevereiro de 2018, as aulas do ano letivo de 2017 acabou no dia 07 de dezembro de 2017. Praticamente 90 dias de férias. Que Educação é essa do nosso município? Anunciaram as aulas no dia 26 de fevereiro, mas não começaram, anunciaram para o dia 05 de março e eu não visualizo que essas aulas se inicie e falo isso pelas escolas do Distrito Branca, a José Martins e a Dr. João Carlos. Eu não sei como funciona essa lotação, mas se não existe os funcionários efetivos que dê para lotar a Escola, nenhum funcionário contratado, pelo menos até ontem, pode ser que hoje já estejam sanado esse problema, mas não foram ainda convocados. Além do mais que eles continuam com três meses de salários atrasados. É você ser contratado para voltar as suas atividades, quando você têm três meses de salários atrasados. Mais uma vez a gente vem reivindicar e pedir ao prefeito e ao secretário que tomem as providências necessárias, porque aqui ninguém quer trabalhar para não receber. E, acho difícil completar um quadro e voltarem aos seus trabalhos, sem um calendário de pagamento.

O mesmo ocorre com o Atalaia Prev. Como foi dito pela vereadora, hoje são 27 e parte dos aposentados não receberam ainda o mês de janeiro, o décimo terceiro. Sabemos que existe uma Ação Civil Pública com o pedido de bloqueio para o pagamento disso. Mas, esperamos que o Poder Executivo resolva essa situação, antes que o Poder Judiciário tome alguma providência.

Hoje, a vereadora Janaína do Cal apresentou três emendas. Duas emendas modificativas e uma emenda supressiva aos projetos de Lei número 2 e número 4 de 2018 do Poder Executivo. Quero aqui agradecer aos meus doze pares vereadores que me ouviram. Se concordam ou não, a situação é de cada um, pois cada um tem o seu entendimento sobre os projetos. Mas, quero agradecer, pois todos me ouviram. Não quero prejudicar ninguém, mas que as coisas sejam feitas de forma responsável e que não venhamos a ter um problema futuro. Hoje podemos está sanando um problema e criando um problema muito maior no futuro. As emendas foram lidas hoje, está aqui em Plenário e o Plenário é soberano e acatarei a decisão de cada um dos meus pares, mas mantenho as minhas emendas na integra em tudo que foi colocado”.

Vereador Marcos Rebollo

“Quero mandar em meu nome uma Moção de Parabéns pra vereadora Camyla Brasil.

Quero mandar uma Moção de parabéns para o Dr. Sostenes, pois foi o aniversário dele nesta semana. Que ela seja enviada de forma coletiva. Dr. Sostenes que é o promotor de Justiça do nosso município.

Venho hoje a esta Tribuna para fazer uso dela e dizer que na semana passada também fiz uso para falar sobre o projeto que está aqui hoje, onde fui um dos defensores e disse que votava. Também quero parabenizar a Casa pela grande determinação e conhecimento dos vereadores em relação ao projeto que veio pra cá hoje. Isso mostra a qualidade desta Casa. A vereadora Camyla e a vereadora Janaína deixaram alguns afazeres para estarem aqui ontem pesquisando e analisando os projetos de interesse do Executivo. Parabéns vereadora Janaína e parabéns vereadora Camyla. Quando se mexe na parte financeira, temos que vê com cuidado, pois vai respingar não hoje, mas sim daqui a três, quatro ou dez anos.

Está aí uma emenda do vereador Marcos Rebollo que vai ser lembrada daqui a 20 ou 30 anos quando for falado em gratificação. Acabamos com a farra das gratificações. Você quando olha um projeto desse, você vê o ciclo vicioso que tínhamos aqui em Atalaia. Alguns salários de servidores chegam a nove, dez ou onze mil. Se é direito ter onze mil, porque também não é direito do cara que também está na função? Por que não equipara o de dois mil ao de onze, ou desce o de onze a dois mil?

Eu costumo pegar as cópias dos projetos, levar pra casa para analisar, mas hoje temos aqui duas advogadas na Casa, que tem interesse em estar lendo e tem o conhecimento bem maior do que a gente que não tem essa função. Gostaria de dizer que Atalaia agradece e todo o funcionário público agradece as nossas decisões e cuidados em ler os projetos que são enviados a esta Casa.

Estas cadeiras já foram ocupadas por vários. Tantos já passaram. Estava ontem a tarde nesta Casa e olhando para aquele quadro no corredor e quantos vereadores já passaram por esta Casa, sentando nestas cadeiras. Quantos não já passaram pelo Executivo. É que as vezes quando sentam nesta cadeira esquecem do mundo, esquecem do povo e agem por emoção. E, não se faz política, não se representa 50 mil habitantes com emoção. Se representa os munícipes com a verdade e não para agradar o seu A ou o seu B. Mas, sim para ser justo, para que amanhã saia daqui de cabeça erguida, para ser lembrado.

Meu pai quando faleceu, eu disse para ele ir com Deus, pois ele vai ter orgulho de ter visto seu filho ganhar a eleição. Eu tinha medo de perder a eleição e ver o meu pai se decepcionar, pela derrota nas urnas. Mas, ele teve o prazer de ir para a Igreja e também vê o seu filho sendo empossado nesta Casa. É um dos maiores orgulhos, pois não viemos de tradições políticas, quebramos paradigmas nesta cidade, de colocar um Marcena dentro da Câmara Municipal de Atalaia. Muitos “caciques” duvidavam disso aqui. Na linguagem política, eu tenho um respeito a todos vocês, não menosprezo nenhum, pois sei da capacidade de cada um.

Política se faz com respeito e é por isso que estou aqui no segundo mandato. Tenho respeito ao meu povo atalaiense, os que votaram e os que não votaram, pois a eleição caba num dia e no outro você é vereador de 50 mil habitantes e não apenas do seu eleitorado. O Marivaldo está no Povoado Porangaba, mas ele é vereador de uma população toda. Somos eleitos para representar o povo e fazer a coisa correta e coerente, para que amanhã ou depois não venha trazer danos e causar prejuízos para o povo de Atalaia e para o servidor.

Passamos hoje por discussões e isso é normal, pois mostra a preocupação do Legislativo com o povo atalaiense e com os funcionários desta Casa e os da Casa Grande, como costumo dizer. Nunca fui contra esse projeto, porque ele veio do Executivo e se o prefeito mandou esse projeto, é porque sabe e tem consciência de que pode pagar. Parabéns a todos os vereadores e não me canso de subir nesta Tribuna e dizer isso.

Ouvi muitos dizerem que essa Câmara é horrível, que era a pior Câmara, mas eu discordo cidadão, você está totalmente equivocado e não sabe o que é a verdade. Você não sabe o que é padrão FIFA. Padrão é está Casa que se preocupa com os funcionários e com o povo atalaiense. Essa sim eu me orgulho em fazer parte dela. Esse mandato aqui eu me orgulho em fazer parte dele. Não menosprezando outros companheiros e amigos que passaram por esta Casa, mas esta sim eu me orgulho em fazer parte. Vi hoje aqui a Dra. Neide Miranda lutando por melhorias para os nossos médicos, que mesmo com condições mínimas estão lá dando seus plantões de 24 horas.

Essa semana liguei para o secretário Juliano e ele estava em Brasília buscando melhorias para o nosso povo atalaiense. É assim que se faz. Se Saúde se faz com ação, ação é essa, cada um se doar pelo nosso município”.

Vereadora Neide Miranda

“É muito pertinente seu discurso. Gostaria de aproveitar a presença do procurador e do secretário de Saúde, para juntos engajar nesta lutar quanto ao salário do nível superior da Saúde no município de Atalaia, que é vergonhoso. Um médico, um dentista e um enfermeiro se propõe a trabalhar com risco de vida, sem a mínima condição de trabalho e receber um salário de miséria, é vergonhoso. Nosso salário só aumenta por conta da gratificação do Ministério da Saúde. Se hoje um médico de Atalaia for se aposentar, vai passar fome. É vergonhoso e peço que vocês abracem essa causa e vejam a situação da Saúde de Atalaia, onde trabalhamos sem a mínima condição de trabalho. Estou lá trabalhando num consultório sem porta, atendendo a gestante de risco e ter que examinar uma senhora sem uma porta, onde tenho que colocar uma pessoa na porta, para poder examinar. Um Posto lá na Vila, que fomos nós que conseguimos e ficou se arrastando ao longo de todos esses anos e agora está quase concluído. Peço ao secretário que fale com o prefeito, para pedir que seja construído um muro, porque é uma área de risco, onde meliantes ficam por ali e lá próximo, no NASF, já aconteceu um tiroteio. Que façam esse muro e que entregue o Posto o mais rápido possível à população, porque da maneira que se encontra é muito difícil de se trabalhar, só com muito amor e dedicação.

Quanto ao Atalaia Prev, temos que cada vez mais nos engajar e cobrar, porque é necessário que esses coitados que deram sua vida de trabalho, não fiquem sem receber”.

Vereador Marcos Rebollo

“Quero aqui também falar sobre o Atalaia Prev. Estive ontem com o prefeito Chico Vigário. É uma das coisas que venho pedindo nesta Casa e espero que o presidente Alexandre, fale com o Dr. Cláudio, procurador desta Casa, para que mande um projeto para o Dr. Márcio possa avaliar e mandar ele do Executivo. Estou feliz, porque o prefeito Chico Vigário garantiu que teremos uma eleição democrática dentro do Atalaia Prev. Isso é uma vitória do povo atalaiense, uma vitória do servidor. Quem tem que gerir esse dinheiro é o servidor, que contribuiu e o que tá contribuindo. Tem que ser eleito pelo servidor ativo e inativo. Parabéns prefeito. Mas, só darei a Moção de Parabéns quando o projeto chegar. Sei que vai chegar, porque o Dr. Márcio reza por esta cartilha da democracia. Quem for bom, que lance seu nome na rua e volte para lá de novo. Que seja um cargo eletivo e não mais por indicação de Câmara, de Executivo ou de Sindicato viciosos que não fazem nada e que alguns deveriam já ter acabado. As eleições no município de Atalaia são as escondidas e elas tem que ser transparente, como a gestão democrática nas escolas e nossa eleição do Legislativo e do Executivo. Tenho certeza que os vereadores irão apoiar isso”.

Vereador Quinho do Portão

“Era bom solicitar também do SEATA, pois se não me engano é ano político lá e que enviem a data, para que não seja as escondida. Que mandem a data e quem são os concorrentes. Que seja enviado um Requerimento solicitando isso”.

Vereador Marcos Rebollo

“Tenho algumas duvidas que quero tirar com vocês. Que vocês prestem bem a atenção nessas perguntas que vou fazer a vocês. Como se escreve zero em algarismo romano? Se depois do banho, estamos limpos, porquê a toalha suja? Se os homens são tão iguais, porque as mulheres escolhem tanto? Por que a palavra grande é menor do que a palavra pequena? Quando inventaram o relógio, como é que sabiam a hora? Por que todos juntos se escreve separado e separado escreve tudo junto? Analisem isso aí para que m souber, me dar a resposta depois. Por que um estabelecimento aberto 24 horas possui fechaduras? Se um super-homem é tão forte e inteligente, porque ele usa a cueca fora das calças? Agora, me explica o mais importante, o que é a vida? Para entender a vida é melhor você ter que ir a três locais, pois isso é muito importante para as pessoas que ocupam cargos públicos, cargos passageiros, para que não suba a cabeça e nem pise o seu próximo. Quando você estiver lá em cima, não cuspa, pois poderá está em baixo amanhã. Estamos aqui hoje para servir. Somos pagos para servir e atender bem ao povo, passando uma garantia de segurança para o povo. Esses três locais são o hospital, a prisão e o cemitério. No Hospital você vai entender que nada é mais bonito do que a sua saúde. Na prisão, você verá que a liberdade é a coisa mais preciosa que você tem. No cemitério, você vai perceber que a vida não vale nada e o chão que caminhamos hoje, será o nosso telhado amanhã. É a triste verdade, pois todos nós viemos com nada e vamos voltar com nada. Vamos então permanecer humildes e gratos a Deus em todos os momentos. Como é que ta a sua oração? Está de joelhos no chão? Está agradecendo a Deus todos os dias? Pelas dificuldades, pelos momentos bons, pelos sonhos, então aproveite, pois você tem a vida e a hora é agora. Não esqueça, seja humilde, trate bem e valorize cada um daqueles que são seus amigos e daqueles eleitores que vestem sua camisa e todos os dias dizem que são fieis. Precisamos tratar bem, pois amanhã vamos bater a porta dele e ele abri com a maior satisfação e com um sorriso no rosto. É por isto que estou aqui fazendo esse papel de legislador e até 2020 estou sendo pago para isso, para fazer o meu papel de fiscalizador”.

Vereador Alexandre Tenório – Presidente

“Aproveitando a presença do secretário de Saúde, o senhor Juliano Montenegro, eu tive uma reunião com o Chico e pedi para que ele voltasse o Dr. Leonardo. Queria que o secretário pudesse dar uma agilidade nesse sentido. Desde já agradeço”.  

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro + 12 =